terça-feira, novembro 04, 2008

Frappé

Onde vou encontrar você?
Se todas as pegadas estão
voltadas para trás
atrás de algo desconhecido.

Parecido com suor que
ara meu rosto o enrugando
deixando um gosto desconhecido.

Marina Ráz.

Um comentário:

Claudia Banegas disse...

Oi, querida, vim agradecer seu comentário e vim tb conhecer suas poesias, que sao lindas... volte sempre, pois voltarei sempre também, bjos!