sábado, novembro 07, 2009

Faria Lima 19:00

A chuva no parabrisa
cria sua própria geografia
um ninho de faróis
aninhados, um novo sol
vermelho STOP.

|| || || || você|| || || ||
|| || || || || || || ||
|| || || || || || || ||
|| || || || nós || || || ||
|| || || || || || || ||
|| || || || || || || ||
|| || || || || || || ||
|| || || || eu || || || ||

Marina Ráz.

Um comentário:

Boaz ben Av disse...

Chove fora
Mas também por dentro
de todos nós.

Gênio